Rally de Marrocos: O que disseram os portugueses sobre a última etapa

By on 9 Outubro, 2019

Chegou ao fim o Rally de Marrocos, última ronda do campeonato mundial de Rallies Cross Country. Vejamos que declarações fizeram os três portugueses depois de cortarem a meta.

Paulo Gonçalves (20.º na etapa e 13º na classificação final)

“Feliz por terminar o Rally de Marrocos de forma segura. É um rally complicado e cometi alguns erros de navegação em algumas etapas que comprometeram o meu resultado. Ontem fiz um etapa muito boa e venci. Estou feliz por mim e pela equipa que merece a vitória de ontem. Hoje só pilotei para chegar em segurança e no início foi muito complicado em termos de navegação. Perdi algum tempo mas o que interessa é que vou trabalhar para o próximo Rally Dakar.”

Joaquim Rodrigues (19.º na etapa e 15.º na classificação final)

“Terminei o Rally de Marrocos e foi um rally muito difícil para mim desde o início. Ontem correu melhor mas hoje tive um pequeno problema logo no início e perdi muito tempo. Testámos a moto e está a portar-se muito bem. Agora é altura de olhar para o Rally Dakar.”

Mário Patrão (23.º na etapa e 22.º na classificação final)

“A etapa de hoje era mais rápida, eram trilhos rápidos e pedregosos. Correu tudo dentro da normalidade, sem contratempos. Avancei à cautela, mas seguro de conseguir chegar ao final sem registo de incidentes e sem me comprometer fisicamente. Foram etapas de navegação difícil. Foi uma prova exigente. Na terceira e na quarta especiais o roadbook apenas nos foi entregue poucos minutos antes da corrida, o que condicionou um pouco a organização do percurso por parte dos pilotos e a perceção dos perigos, mas o objetivo foi cumprido”.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!