Últimas

MXGP: Queda de Febvre leva Coldenhoff à vitória no GP da Suécia

By on 25 Agosto, 2019

Depois da vitória de Glenn Coldenhoff na primeira manga foi Tim Gajser a sair muito bem no arranque com Romain Febvre a acabar por levar a melhor, tomando as rédeas da corrida. Na terceira posição seguia Tonus, com Seewer, Jonass, Searle e Coldenhoff na perseguição.

Começaram a surgir algumas movimentações com Coldenhoff a passar Searle e um pouco mais atrás Herlings a passar Paulin. O holandês não tardou em chegar-se mais à frente e iniciar uma disputa pelo quinto lugar com Seewer.

Febvre e Gajser estavam ainda na frente com o esloveno a mostrar as garras ao francês e a aproximar-se a passos largos. Febvre, porém, não se deixou ficar e era, na altura, o mais rápido em pista. Com ambos a aparentar calma e confiança era difícil deslindar o que poderia resultar desta corrida.

Mais atrás era Seewer que subia para sexto, na companhia de Coldenhoff que alcançou a quinta posição.

Na frente da corrida, Gajser estava cada vez mais perto de Febvre que, apesar dos ataques constantes do esloveno não desiste de tentar a vitória. O ambiente de tensão aumentava a cada segundo com os dois a passar lado a lado.

A luta entre Jonass e Coldenhoff estava cada vez mais forte pois, o holandês estava a dar tudo para chegar mais à frente no terreno. Sabendo as suas hipóteses de vir a vencer o Grande Prémio da Suécia, tinha de ultrapassar o seu adversário o mais depressa possível. O facto de ter demorado algum tempo a passar Seewer na primeira metade da corrida acabou por lhe dificultar um pouco a vida. Nada que o piloto da KTM não pudesse resolver. Um erro de Tonus acabou por ajudá-lo a chegar à quarta posição, ainda atrás de Jonass.

Não muito atrás Herlings também começava a fazer das suas e começava a pressionar Seewer para tentar o quinto lugar.

Entretanto, a ação continuava na frente da corrida quando Tim Gajser consegue aproximar-se o suficiente do adversário ultrapassando-o sem dar hipótese e tomando a liderança. O azar de Febvre estava apenas a começar visto que, pouco depois, sofreu uma queda que o obrigou a sair da pista de maca.

.Nesta altura, inicia-se uma dura batalha entre Jonass e Coldenhoff pela vitória no overall que acabaria por ser alcançada pelo holandês. A vitória nesta segunda manga ficou, claro, para Tim Gajser com Jonass a fechar o pódio em terceiro pela primeira vez desde a quinta ronda do campeonato.

Foto: MXGP

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!