TT: A história de Pedro Hogan e o patrocínio da Apple em 1991

By on 6 Abril, 2020

Uma das histórias mais curiosas do início dos anos 90 foi a presença de um piloto com apoio da Apple nos campeonatos nacionais de Enduro e Todo-o-Terreno.

Pedro Hogan foi o piloto que trouxe a marca tecnológica norte-americana para as competições portuguesas.

“Na altura, a Apple não era o que é hoje mas já tinha o Macintosh e estava numa fase de expansão na Europa” contou-nos o piloto da Yamaha.

“Eu era daqueles pilotos que fazia tudo certinho com os patrocinadores, moto bem decorada, ‘press releases’, assistências bem organizadas, etc , coisa que na altura era raro.”

O lisboeta disse-nos como tudo se proporcionou: “Eles procuravam alguém que estivesse em ascensão e como eu tinha sido campeão de Enduro no ano anterior, contactaram-me através de um amigo. Foi muito giro, a primeira decoração na YZ rosa ficou muito bem e deu nas vistas.”

Apesar dos bons resultados desportivos, Pedro Hogan foi surpreendido: “quando os americanos souberam, não acharam muita graça pois não estava nos planos deles os desportos motorizados. Nessa altura, chamaram-me e pediram para decorar menos a moto e deixar de usar a camisola, pois não queriam dar muito nas vistas.”

Apesar de tudo, nesse ano Hogan ganhou a sua classe na Baja Portalegre e “eles ficaram todos contentes” nas palavras do próprio.

Infelizmente a parceria foi apenas na temporada de 1991: “no final da época não houve renovação, pois os americanos decidiram mesmo acabar com o apoio a desportos motorizados.“

Este acontecimento tem quase 30 anos mas a verdade é que, até hoje poucos se podem orgulhar de dizer que fizeram uma temporada completa – seja em motos ou em automóveis – com a marca que viria a tornar-se numa das grandes referências na área da tecnologia.

(Foto: Pedro Hogan)

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!