Um acontecimento incrível vivido por Pedro Almeida e Paulo Gonçalves no Dakar

By on 23 Janeiro, 2020

Pedro Almeida foi o mecânico de Paulo Gonçalves em momentos como o início da sua carreira profissional na Motogomes. Pedimos ao “Barbaças” para nos contar um acontecimento vivido com o “Speedy” e que demonstra bem a sua resiliência perante as adversidades.

“Não lhe chamo de histórias mas sim acontecimentos únicos e exemplares, muitos são os acontecimentos de elevadíssima superação que podia aqui partilhar com todos sobre o nosso Paulinho”.

“Na verdade muitos deles foram presenciados pela nossa geração o que fez com que o Paulo se tenha tornado Único e Eterno”.

“O acontecimento que vou partilhar não é o mais forte mas sim o mais desconhecido para a maioria. É referente ao Dakar 2009 onde o Paulo partiu para esta prova sem qualquer tipo de assistente, já por si algo que não está ao alcance de qualquer um”.

“Julgo que na 3.ª etapa o Paulo chega, monta a sua tenda e quando fui ver se estava tudo bem com ele, ele tremia e transpirava por todo lado. Estava com 41 graus de febre”.

“Disse-lhe para descansar e se tratar que no fim de acabar a moto do Helder Rodrigues, iria tratar da sua. Mas, mesmo à sua maneira e imagem de enorme guerreiro, não se aproveitou do conforto nem deixou os seus objetivos à sorte”.

“Arregaçou as mangas e começou a tratar da moto, óleos, pneus etc. Quando acabei a moto do Hélder, já pouco havia a fazer na dele. Dei-lhe uma ajuda e lá foi ele descansar, mas pouco, e assim continuou até ficar bom”.

“O Paulo é o maior exemplo de superação e de Humildade que os nossos jovens atletas podem e devem seguir. Contrariou todas as leis e teorias que a vida ou os humanos possam ter. Provou que não importa de onde venhas ou o que tenhas, podes tornar-te numa potência, referência e exemplo a nível universal. Ficarei eternamente grato pela lição de vida que foi para todos nós”.

(Foto: Pedro Almeida)

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!